Biografia

Fabio Maciel nasceu no subúrbio do Rio de Janeiro, onde vive. Formado em Tecnologia em processamentos de dados pela Associação Brasileira de Ensino Universitário (ABEU), em História pela Universidade Gama Filho (UGF) e em Biblioteconomia e Documentação pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), é especialista em História Contemporânea pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e mestre em Memória social (Memória Social e Patrimônio) pela UNIRIO. Pesquisador, bibliotecário, ilustrador e escritor, participou com imagens, artigos, contos e poemas em antologias, revistas, exposições e páginas de internet. Colaborou na pesquisa de projetos do Museu do índio para edição de livros, álbuns e catálogos de exposições como O olhar precioso de Darcy Ribeiro (2010). O primeiro livro que ilustrou foi O menino, o bilhete e o vento (2015), selecionado para o Catálogo Literário Autorias da Diversidade. Já ilustrou mais de 10 livros para crianças e jovens. Publicou o livro infantil Haicobra (2017), livro de poesia inspirado em haicais, selecionado para o Catálogo da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), da Feira de Bolonha. Editou fanzines no selo Tytyvyllus Publicações. Recebeu o selo Seleção Cátedra — Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) pelos livros A princesa maravilha ou de como uma ervilha provocou um final feliz (2017) e Origens (2019); o selo Altamente Recomendável por essa obra, também selecionada para o catálogo FNLIJ 2020, da Feira de Bolonha. O livro Histórias de ouvir da África fabulosa (2018), com ilustrações de sua autoria, foi aprovado no Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) Literário 2018.